9.8.10

Um Amor



Um casal de namorados estava em alta velocidade na estrada...

Rapariga: Devagar! Estou com medo...

Rapaz: Não! É divertido!

Rapariga: Não é não! Por favor, estás-me a assustar!

Rapaz: Então diz que me amas.

Rapariga: Amo-te.

Rapaz: Agora dá-me um grande abraço. Ela dá-lhe um abraço.

Rapaz: Tira o meu capacete e coloca em ti, está-me a incomodar.



No jornal do dia seguinte havia a seguinte notícia:

“Uma moto havia batido por causa de problemas no motor, duas pessoas iam nela, mas somente uma sobreviveu”

A verdade é que descendo a estrada, o rapaz percebeu que os freios haviam falhado, mas ele não queria que a rapariga soubesse. Ao invés disso ele fez com que ela dissesse que o amava e sentiu o seu abraço uma última vez, e a fez colocar o seu capacete para que ela pudesse viver, mesmo sabendo que por causa disso ele iria morrer.
 
 
 
Felizes os que conseguem amar com essa intensidade.

7 comentários:

AVOGI disse...

UI Menina Lua-Primavera.
Arrepiaste-me com este texto. amor assim já nao existe em quantidade ainda se encontra alguns. adorei o texto. arrepiei-me, claro.
e gosto da tua escrita. continua fiel aos teus ideais. kis :)

AVOGI disse...

Já sou tua (per)seguidora. está ali a minha foto para que não te esqueças de me visitar. kis

hoje vou casar assim disse...

Também me arrepiei...

Conheço uma história também de altruísmo, mas que não é pesada como essa...
Uma rapariga não conseguia entrar no curso que queria, e o namorado entrou nesse curso (que também queria) e fez permuta com ela (na altura era possível). Isso fez com que ele atrasasse 1 ano e, claro, com que não garantisse que iria entrar no ano seguinte. Mas a namorada entrou, e de outra forma não teria conseguido ;)

Agora estão os 2 casados e com o curso tirado há uns anos :)

meninaluaprimavera disse...

HVCA, será que conheço esse casalinho?!
bj

hoje vou casar assim disse...

Acho que não...
Mas claro que é possível...

Admiro muito a atitude que ele teve!

Patrícia disse...

Trágico.
Bom texto,simplesmente,adorei este blog.Continua!

meninaluaprimavera disse...

muito obrigada Patrícia!
é uma história que me foi apresentada por uma amiga (real ou não não sei) e à qual não resisti "postar" no meu blog...
para uma eterna romântica como eu histórias destas não me deixam indiferente!
bj